Qual a idade certa pra virar programador?

A idade certa pra virar programador é a idade que você tem hoje!

Isso mesmo: sabe aquela história de que nunca é tarde para começar? E eu digo pra você que nunca é cedo pra começar também!

E se você não está entendendo o que eu estou falando, dá uma olhada no vídeo que eu gravei pra você falando sobre esse tema, que é uma dúvida muito comum que eu recebo das pessoas:

 

 

A idade certa pra virar programador não é calculada com base em uma fórmula matemática. Não tem uma regra bem definida e vai depender de cada pessoa.

Primeiro vamos começar com a idade mínima. Claro que você não vai querer ensinar programação pra uma criança de 3 anos de idade, mas eu acredito que com 7 ou 8 anos já é possível fazer um trabalho com a criança voltado à programação. Não estou falando em ensinar C++ pra ela ou pedir pra ela entender os conceitos da orientação a objetos, mas existem várias formas de você trabalhar a lógica de programação com crianças de uma forma divertida e muito efetiva.

Eu comecei com 10 anos de idade no contraturno do ensino fundamental aprendendo LogoWriter. Olha só como era (nostalgia total!):

 

Fonte: http://votodefilha.blogspot.com.br/2011/01/tartaruga-e-eu.html

 

O LogoWriter (ou apenas Logo para os íntimos) era um software onde você dava comandos de desenho pra uma tartaruga, que ia fazendo linhas na tela e montando formas geométricas. Era claramente um programa voltado pra crianças e ajudava a exercitar conceitos matemáticos (como ângulos) e de programação (como laços de repetição).

Essa tartaruguinha do Logo foi minha companheira durante alguns anos da minha infância, e o meu interesse por programação (que veio ainda antes de conhecer o Logo) começou com a história do guardanapo na churrascaria, que eu contei no vídeo.

Depois que eu cresci, parti pro Clipper e quando entrei na faculdade fui pro C, C++, Java e daí não parei mais…

E sobre a idade máxima? A idade certa pra virar programador também pode ser na casa dos 60, sim! Aliás, temos vários alunos na aqui na Softblue que sempre quiseram programar mas nunca tiveram a oportunidade. E agora, depois de aposentados, resolveram entrar nesse mundo! É como eu disse: nunca é tarde pra começar!

Eu tenho uma opinião que gosto sempre de compartilhar com as pessoas que é a seguinte: todo mundo deveria aprender programação já na escola! Programação é uma disciplina fantástica do ponto de vista de desenvolvimento da pessoa, pois ajuda a desenvolver o raciocínio lógico, melhora a capacidade de resolução de problemas, dentre outros benefícios.

Eu costumo brincar que você não precisa querer ser matemático pra aprender matemática, então você também não precisa querer ser programador pra aprender programação! Todos deviam conhecer um pouco, e certamente isso ia beneficiar muita gente!

E se você ainda não entrou no mundo da programação mas tem interesse (se você não tivesse, talvez nem estivesse lendo esse post, né? rs), nós temos aqui na Softblue um curso 100% gratuito de Lógica de Programação, focado justamente em quem quer dar um primeiro passo nessa área incrível! Bora se inscrever? 😀

Agora conte pra mim: com qual idade você começou a programar? E se não começou, o que impede você de começar agora?

Sobre o autor

Carlos Tosin

Carlos Tosin

Carlos Eduardo Gusso Tosin é formado em Ciência da Computação pela PUC-PR, pós-graduado em Desenvolvimento de Jogos para Computador pela Universidade Positivo, Mestre em Informática na área de Sistemas Distribuídos, também pela PUC-PR. Trabalha profissionalmente com Java desde 2002 e possui 6 anos de experiência no desenvolvimento de sistemas para a IBM dos Estados Unidos, utilizados a nível mundial. Atua desde 2005 com treinamentos de profissionais em grandes empresas e escreveu diversos artigos para a revista Java Magazine. Possui as certificações da Sun (agora Oracle) SCJP, SCJD,SCWCD, SCBCD, SCEA, IBM SOA e ITIL Foundation.

Comentários (9)

  • Paulo Rodrigo

    Olá! Tenho 23 anos e conheci o mundo da programação aos 18anos. Parei de conhecer mais sobre esse fantástico mundo, pois não concluir o curso de técnico em informática , mas ainda assim tenho muita vontade de programa e ter meus próprios projetos ou fazer parte de um. Por isso, voltei a estudar programação.

  • Alan Lucena

    Boa noite, se possível faz um vídeo sobre sintaxe e semântica e como memoriza-las, caso já tenha esse vídeo me redireciona nele por gentileza, desde já agradeço sua atenção!

  • Paulo Pinheiro

    Conheci a programação em 2002 no curso técnico de informática em Juiz de Fora. Depois disso fiz estágio em cobol de 05/11/2002 a 13/01/2004 na empresa onde trabalho. Fui contratado em 14 de janeiro de 2004, e trabalhei com cobol até 2014. Conclui o bacharel em Sistemas de informação em 2010 na faculdade Metodista Granbery. Hoje estou terminando uma pós graduação em engenharia e outra em arquitetura de software na PUC MINAS Virtual

  • Douglas

    Muito bom texto. Eu sou formado em TI mas as circunstâncias da vida (e meus erros) fizeram que eu não conseguisse trabalho na área, e acabei desaprendendo o pouco que sabia, agora estou tentando correr atrás do tempo perdido, o que é mais trabalhoso.

  • Eduardo

    Comecei a programar nos microcontroladores PIC, em assembler, com 36 anos.

  • joao teotonio

    Bom dia. Tenho 51 anos. gostaria de aprender a programar mas não consigo aprender sobre lógica de programação. Tem alguma maneira fácil e prática de se aprender lógica depois dos 51 anos? Grato

  • carlos

    mas uma pessoa acima dos 40 anos consegue arrumar emprego nesta área de programação? As empresas dão oportunidade para pessoas acima dos 40 anos que não tenha uma experiência anterior na área?

  • divino alberto

    Olá, Bom Dia!
    Eu, Divino Alberto, tenho 56 anos e quero ser um bom, desenvolvedor de sistemas, sei que junto com vocês estou no caminho correto.

    Abraços!

Deixe uma resposta para Paulo Rodrigo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *